“É pra amanhã” de António Variações 

Março 8, 2011

Fundão, Castelo Branco

Fundão, Castelo Branco, Beira Baixa

Ir para Castelo Branco

Mário Lambelho (Ti Mário) toca com Luís Furioso e com outro jovem há algum tempo, num trio de concertinas. Aqui, com Luís Furioso, ti Mário usa a concertina como reco-reco e justifica o facto assim: «Se eu posso ter dois instrumento num só, por que hei-de tocá-lo só duma forma?" O tema escolhido, à semelhança de outros grupos que tocam em aldeias, não só na Beira Baixa e não só com concertinas, está relacionado com aquilo que se ouve na rádio.