Martírios do Senhor 

Abril 14, 2018

Baleizão, Beja

Beja, Beja, Baixo Alentejo

Ir para Beja

"Hoje gravámos a Dona Edvige, ela tem décadas de mundo, de resiliência perante a pobreza. De uma pobreza material mas com luz de espírito. Falou-nos muito de cultura, daquela cultura de proximidade que muita gente esqueceu, a cultura da partilha de gestos de transmissão oral, aquela cultura comunitária que se baseia apenas num rosto que quer continuar a transmitir e que precisa desse espaço, mas que sabe que ele não existe e que sofre com isso.
A Edvige tem pouco tempo e um conhecimento inexplicável. Esta música eu nunca tinha ouvido em mais de 3000 gravações, esta é a cultura que se vai perdendo que não está nas manifestações em Lisboa, esta é a cultura que vai morrer e que é também cultura com um grande C."

- Tiago Pereira